SEGREDOS - TATIANA AMARAL

Livro: Segredos
Autora:Tatiana Amaral
Páginas: 378 
LER


SINOPSE: O que você faria tivesse que revelar segredos que envolvem o seu passado e a impedem de se entregar a um amor? Este é o dilema de Cathy, que precisa decidir entre quebrar as barreiras do passado e confiar em Thomas, ou aceitar que seus segredos são fortes o suficiente para impedi-la de amá-lo. Quando um segredo é capaz de destruir tudo o que você deseja, ele pode ser revelado? Thomas possui um segredo e agora ele precisa escolher entre contar a Cathy e correr o risco de perdê-la, ou não contar e desta forma nunca conquistar sua confiança. Que segredos são fortes o suficiente para impedir um amor? Cathy e Thomas viverão esta história e terão que enfrentar os seus segredos para tornar este amor possível, mas é possível um amor resistir a tantos segredos?


Como uma boa adoradora de romances, e com um amor inexplicável por livros eróticos (não me julguem, Maddox é minha meta de relacionamento), posso dizer que SEGREDOS é definitivamente meu tipo de livro.

Já havia lido CASEI. E AGORA?, da Tatiana, e criei uma grande expectativa. E posso afirmar que Tatiana Amaral está no meu top 10 autores nacionais.


SEGREDOS conta a história de Cathy, uma garota com um passado escondido, que não acredita no amor e não está atrás de um príncipe encantado. Seu único relacionamento é com sua vida profissional. Apesar de Cathy ser assim, ela adora filmes românticos e mantém um pôster na porta de seu quarto com a foto de Thomas Collins.

No começo, ela já está de malas prontas para se mudar do apartamento que divide com as amigas em Los Angeles. Creio que, apesar de serem quatro amigas, as que mais se destacam do grupo, são: Mia, por ser incrível, absurdamente maravilhosa e excelente; e Anna, que mais parece ser inimiga do que amiga.


Thomas não tem lá uma fama boa com garotas. Diferentemente de seus personagens, que são intensamente românticos, o cara é um galinha, uma garota por noite, sem repetições. Pelo menos era assim até a conhecer.

No primeiro encontro deles, totalmente ao acaso, Cathy já sabia que iria trabalhar com Thomas. Ele, no entanto, não estava a par da situação.

Confesso que adorei a forma tão simplória dela. Durante essa parte do livro, ela não revelou nada a ninguém, não deu vexame em momento algum e, mesmo assim, sentia medo do que o “chefe” iria pensar sobre ela no dia seguinte. No caso, seu primeiro dia de trabalho.


Thomas então é revelado com sua linha de pensamento, e se dispõe a nos dar informações sobre o seu ponto de vista, outro ponto positivo do livro, temos as duas visões.

Já sabemos, claro, que, para os homens, não existe amor à primeira vista, então Thomas sentiu desejo por Cathy, achou que ela seria mais uma fácil e que o joguinho estava começando. Só não contava com um pequeno detalhe: ela não ia ser assim.

Ele, com todo seu charme, vai atrás da adorável garota, e percebe que mesmo sendo quem é, Cathy não se abala. Obviamente, na visão dela, ela ficou completamente deslumbrada, e com todo seu autocontrole não demonstrou tanto.

Thomas perde a garota, sem nem ao menos saber seu nome, e acaba desistindo. Mas como já sabemos o reencontro entre eles é inevitável. E assim começa a tortura de Thomas com Cathy. Seu poder de sedução desarma todas as barreiras dela, fazendo ela se entregar cada vez mais a ele, mas sempre na hora H, Cathy para. Thomas não entende, e acha que isso é pelo trabalho dela. Até a amiga da onça, querida Anna, revelar o porquê dela nunca continuar.


Os dois têm segredos demais escondidos no armário, e isso acaba causando brigas intensas e desentendimentos sem fundamento durante parte do livro. Creio que a Cathy perde um pouco de sua liberdade ao lado dele, já que ela foi contratada para cuidar da vida dele.

A nossa protagonista, então, viaja o mundo com os escudeiros (Dyo e Kendel), para a divulgação do filme novo de Thomas.

Creio que é um spoiler abaixo, então NÃO LEIA ESSE PARAGRAFO.

O livro tem também pontos um pouco negativos, como a formula clichê com que ele é feito (casal conhece/se apaixona/ficam juntos/alguém aparece para separá-los/se separam/voltam e ficam juntos). Apesar disso, é um livro onde a imaginação corre solta, cada cena, cada fala, cada suspiro, eu sentia.

Aliás, a personagem principal tem uma autoestima incrível, o que, para mim, tornou-a uma mulher forte na trama, até porque livros com garotas lindas, que se acham feias, ou se sentem culpadas pelo cara ser um babaca, me dão sono.


Enfim, recomendo a leitura de SEGREDOS, e da continuação, TRAIÇÕES, cuja resenha vai sair, e onde tem um homem maravilhoso na capa, né? Pelo amor de Deus, gente!

Postado por: Amy

3 comments

janaina silva 13 de agosto de 2017 13:56

Amy,também adoro um bom romance. E não tenho preconceito com livros hot. Desde que tenha uma trama que me pega de jeito.
E lendo a sua resenha tão empolgada, percebi que a história é interessante. E não tem como não desejar ler esse livro.
E que bom que a personagem Cathy é forte ,segura e tem uma personalidade forte.

A capa também está muito bem caprichada!

Espero ainda poder ler. :)

mich 13 de agosto de 2017 18:16

Olá !!
Nunca li nada a autora mas quero muito conhecer sua escrita.
Fiquei super ansiosa para ler esse livro mesmo sendo bem clichê.
Achei a história bem fofa !!

Quem não quer um Maddox na vida ?!❤❤

Adorei !!
Bjos

Saskia Caroline 16 de agosto de 2017 11:11

Oii
Gente socorro, me identifiquei na hora
Segredos, romântica, mas casada com o trabalho e pôster do Thomas. Sem a parte do Thomas na verdade (é outra pessoa no pôster) kkkk. Já vivi um relacionamento baseado um pouco nisso, segredos que podiam me fazer perder a pessoa e isso é muito pesado, cada pessoa lida de um determinado jeito e agora quero saber como ela lidou com isso.
Fiquei curiosa.
Maddox <3

Postar um comentário